Saiba mais sobre o Concurso Senado Federal

concurso senado federal

O anúncio do Concurso Senado Federal criou expectativas para muita gente.

Confira aqui como vai ser a estrutura do processo e as disciplinas que serão cobradas na prova.

No último dia 07 de abril de 2022, foi publicada no DOU (Diário Oficial da União) a autorização para realização de concurso público para vagas no Senado.

São quase 10 anos desde a última seleção, o edital vai oferecer vagas para 19 cargos.

No entanto, todas as vagas são para candidatos com nível superior.

Saiba mais sobre o Concurso Senado Federal nesse artigo.

Concurso Senado Federal: Como vai ser?

As provas do Concurso Senado Federal ainda não têm data e o edital não foi liberado.

Mas, se espera que no segundo semestre todas as regras para o concurso estejam disponíveis.

O que foi divulgado até então foram as funções que devem ser ocupadas, são elas:

  • Advogado
  • Consultor legislativo (assessoramento em orçamentos e assessoramento legislativo)
  • Analista legislativo
  • Técnico legislativo (policial legislativo).

A função que mais vai contratar é a de analista legislativo, as vagas serão para 11 especialidades:

  • Administração
  • Arquivologia
  • Assistência social
  • Contabilidade
  • Enfermagem
  • Informática legislativa
  • Processo legislativo
  • Registro e redação parlamentar
  • Engenharia do trabalho
  • Engenharia eletrônica
  • Telecomunicações.

O último concurso foi realizado pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), que definiu 3 fases para classificação dos candidatos:

  • Prova objetiva
  • Prova discursiva
  • Avaliação de títulos.

Dentro dos requisitos básicos, o candidato deve atender caso receba aprovação nos exames, são:

  • Maior de 18 anos
  • Ter nacionalidade brasileira ou portuguesa (desde que atenda às condições do estatuto de igualdade entre brasileiros e portugues)
  • Não ter problemas com seus direitos políticos
  • Não ter restrições com a Justiça Eleitoral
  • Cumprindo as obrigações militares (para os homens)
  • Não ser servidor público
  • Apresentar declaração de patrimônio
  • Fazer testes de saúde
  • Entregar documentação completa descrita no edital.

Os candidatos aprovados que não forem chamados de imediato entram no cadastro de reserva.

Na medida que houver necessidade, os classificados são chamados para ocupar cargos no Senado.

É importante dizer que a seleção também reserva vagas para pessoas com deficiência.

concurso senado federal

Matérias para estudar

Conforme dito, são 3 avaliações que os candidatos devem passar no concurso do Senado Federal.

Na prova objetiva (primeira etapa) são 7 as matérias exigidas.

Cada um tem limite um número de perguntas e limite mínimo de acertos para aprovação, confira:

  • Língua Portuguesa (15 questões – mínimo de 8 acertos)
  • Conhecimentos Gerais (10 questões – mínimo de 5 acertos)
  • Direito Constitucional e Administrativo (10 questões – mínimo de 5 acertos)
  • Administração de Políticas Públicas (5 questões – mínimo de 2 acertos)
  • Raciocínio Lógico (6 questões – mínimo de 2 acertos)
  • Língua Inglesa (4 questões – mínimo de 1 acertos)
  • Conhecimentos Específicos (30 questões – mínimo de 18 acertos).

Vale conferir os principais assuntos que serão abordados na prova do concurso do Senado Federal.

Língua Portuguesa:

  • Compreensão e interpretação de textos
  • Ortografia
  • Crase
  • Sintaxe
  • Classes gramaticais.

Conhecimentos Gerais:

  • Fundamentos históricos do Brasil contemporâneo
  • Revolução Industrial
  • Industrialização e urbanização brasileira
  • Atualidades sobre o Brasil, sobretudo a temas ligados à economia, política, educação, tecnologia, desenvolvimento sustentável e segurança
  • A questão ambiental.

Direito Constitucional e Administrativo:

  • Conceitos do Estado
  • Constituição da República Federativa do Brasil
  • Direito Político
  • Princípios básicos da administração
  • Poderes administrativos.

Administração de Política Públicas:

  • História da administração pública no Brasil
  • Estrutura e funcionamento da administração pública
  • Administração orçamentária
  • Responsabilidade Fiscal
  • Estado e regulação.

Raciocínio Lógico:

  • Linguagem natural
  • Lógica proposicional
  • Diagramas de Venn
  • Paradoxos da implicação
  • Silogismos categóricos.

Língua Inglesa:

  • Compreensão e interpretação de textos
  • Inferência e predição
  • Palavras cognatas e falsos cognatos
  • Uso de artigos
  • Modos verbais.

Conhecimentos Específicos:

  • Aqui os assuntos são divididos de acordo com cada subárea.

Já na prova discursiva (segunda etapa) é necessário elaborar uma redação dissertativa de 45 a 60 linhas, todos os classificados realizam esse exame.

Entretanto, dependendo do cargo, é incluída na avaliação outros exercícios, dentre eles:

  • Um resumo da dissertação de até 20 linhas
  • A tradução de textos do inglês para português
  • Elaboração de um parecer
  • Elaboração de um discurso.

Na fase de avaliação de títulos, se verifica a autenticidade de diplomas e outros certificados, bem como se o profissional é registrado no conselho de classe.

Agora é aguardar a divulgação oficial do edital para o Concurso Senado Federal, você já pode começar a se preparar, e assim ter sucesso nesse processo seletivo.

Confira mais artigos sobre concursos no nosso blog!

Por Concursos Abertos Brasil em 02/06/2022 Concursos Abertos Brasil é um portal relacionado a publicação de concursos de todo o Brasil.